Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4
Acessibilidade 5 Alto contraste 6

Aprovação de Moção de Reconhecimento e Aplausos para Acolhida na Colônia na Sessão Ordinária de 24 de Junho de 2019.

Publicado em 28/06/2019 às 11:38 - Atualizado em 28/06/2019 às 12:24

Participação da Acolhida na Colônia. Baixar Imagem

          Os vereadores desta Casa Legislativa, após ouvido o plenário desta Casa aprovaram a seguinte MOÇÃO DE RECONHECIMENTO e APLAUSOS a ASSOCIAÇÃO DE AGROTURISMO ACOLHIDA NA COLÔNIA, pela relevante importância no desenvolvimento do agroturismo na agricultura familiar a nível municipal, regional e estadual.

           A Associação de Agroturismo Acolhida na Colônia foi fundada em 1999, no território das Encostas da Serra Geral em Santa Catarina, tendo como pioneiros os municípios de Santa Rosa de Lima, Anitápolis, Rancho Queimado, Gravatal e Rio Fortuna, com o intuito de diversificar as propriedades dos agricultores familiares que estavam em decadência naquela época, assim melhorando a qualidade de vida e oportunizando alternativa de renda às famílias, comemora seus 20 anos em 18/06/2019.

          A Acolhida na Colônia surgiu com base na associação francesa Accueil Paysan e foi estabelecida uma parceria onde os agricultores passaram a integrar esta rede e ganharam o direito de utilização da sua marca (Acolhida na Colônia no Brasil). A rede hoje está presente em 31 países, com um objetivo em comum, fomentar o movimento mundial pela manutenção da agricultura familiar.

         Esta atividade proporciona maior qualidade e vida para os agricultores e visitantes, valorização da agricultura familiar e do trabalho da mulher camponesa, resgate e preservação da culinária, cultura e de produtos típicos, preservação da natureza e fomento a produção e consumo de alimentos orgânicos.

         Como o foco da Acolhida na Colônia é o agroturismo, uma proposta é aperfeiçoar e unir os serviços turísticos e os produtos orgânicos. Para isso, o objetivo é desenvolver estratégias de comercialização aos visitantes, aproximando o consumidor do produtor, no conceito de um alimento ecológico e comercialização com preços justos. Possibilitar visitas em propriedades rurais da Acolhida na Colônia com o intuito de aquisição de alimentos, nas visitas também é possível desenvolver atividades de lazer, turismo pedagógico, refeições com os alimentos locais e orgânicos e atividades agrícolas.

        Esta tem sido uma caminhada de muitas conquistas! Com orgulho, nossos agricultores e agricultoras fizeram do agroturismo, uma realidade que permitiu que muitas famílias pudessem continuar no campo, produzindo alimentos e vivendo com qualidade!

          Milhares de pessoas tiveram acesso a este turismo acolhedor e acessível, muitas amizades foram feitas e muita partilha de conhecimentos, além da contribuição importante para a renda das famílias envolvidas.

        Gostaríamos de parabenizar as famílias participantes deste projeto em Anitápolis: Dona Marilda e senhor Gabriel Rieg (Pousada Recanto das Cachoeiras) pioneiros aqui no município, como as demais, Regina e Fernando (Pousada Sítio Pasargada); Regina e Jorge (Sítio Silva); Edina e Hélio(Vale do Rio da Prata); Dilma e Otti ( Sítio Mauerwerk); Jaceline e Flávio(Sítio Rei Arthur); Cátia e Daphne (Sítio Aimotuá).

       Que este sucesso sirva de inspiração e motivação para que outras propriedades também venham a fazer parte da Acolhida na Colônia em Anitápolis, contribuindo assim para o desenvolvimento do município, através do fortalecimento de sua agricultura familiar.


Galeria

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar